Presidente de Câmara destaca parcerias voltadas ao Setor Primário e realização da Expopin

por Clely Ferreira publicado 10/09/2019 13h12, última modificação 10/09/2019 13h12
“São quase 100 mil habitantes só na sede de Parintins e a produção agrícola, a produção da pecuária não é suficiente para abastecer o nosso município. Cabe a preocupação maior de todos nós, enquanto parlamentares, para que a gente possa buscar alternativas, soluções, parcerias, para nós equacionarmos essa imensa dificuldade”, analisou na tribuna o presidente da Câmara Municipal de Parintins, vereador Telo Pinto (PSDB).

“São quase 100 mil habitantes só na sede de Parintins e a produção agrícola, a produção da pecuária não é suficiente para abastecer o nosso município. Cabe a preocupação maior de todos nós, enquanto parlamentares, para que a gente possa buscar alternativas, soluções, parcerias, para nós equacionarmos essa imensa dificuldade”, analisou na tribuna o presidente da Câmara Municipal de Parintins, vereador Telo Pinto (PSDB).

Mais uma vez na tribuna, na manhã desta segunda-feira (09/09), Telo levantou a bandeira do Setor Primário. Como parlamentar e também presidente da Associação de Pecuaristas de Parintins (APP) tratou sobre a importância do setor para a economia do município.

O vereador tem conversado com diversos setores, em uma série de reuniões realizadas na sede da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) em Parintins. Os encontros com os órgãos competentes são no sentido de reunir parcerias em prol ao Setor.

Telo enfatizou o trabalho de cada parceiro. Pontuou a Embrapa que, apesar da sua pouca estrutura, tem se deslocado para zona rural do município para levar apoio técnico, bem como o Instituto de Desenvolvimento Agropecuário do Estado do Amazonas (Idam), que passa por um processo de transição. Ao falar sobre o Idam, manifestou preocupação com a possível saída do representante atual, sr. Lucivaldo Pereira.

Referente à produção, frisou que “o município é um polo produtor de mandioca, mas, que ainda precisa agregar valor a essa produção, estabelecer cooperativas, dá qualidade ao produto”. Destacou quatro grandes de polos produtores – Murituba, Máximo, Caburi e o Mocambo. Salientou que “a produção de banana Vila Amazônia que precisa ser reaquecida”.

“Levar conhecimento e tecnologia aos irmãos da zona rural, para que possam ter conhecimento de como melhor a produzir, fazer o seu cultivo e de como se organizar em cooperativas e que possam ter um produto de qualidade”, este é o desejo do vereador.

“O SEBRAE vai ser é um dos expoentes nesta arrancada de tecnologia para nossos produtores rurais”, declarou ao falar sobre a construção de esforços voltados ao Setor Primário. Outro ponto discursado foi a parceria com a Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

Além de elaboração de um plano de ações, a partir da verificação das cadeias produtivas, agora, se organizam para fazer um grande Agropecuário no município – a Feira Agropecuária de Parintins (Expopin). “Estamos correndo atrás das instituições bancárias para ter recursos de forma volumosa para atender a demanda dos nossos agricultores e pecuaristas durante a feira”, disse. Telo alertou aos interessados para atentar à questão da legalização fundiária”

O edil falou ainda sobre a revitalização do Parque de Exposição Luiz Lourenço de Souza para a realização da Expopin e conclamou os envolvidos no Setor Primário para participarem do evento. A ideia de Telo é que não seja só um evento somente de cunho social, mas, para compartilhar conhecimento, através de cursos e minicursos.