Presidente da Câmara de Parintins repudia notícia que envolve o Legislativo e registra agenda em Manaus e Brasília

por Clely Ferreira publicado 27/03/2019 15h13, última modificação 27/03/2019 15h13 Texto: Clely Ferreira – Assessoria de Imprensa da Câmara / Foto: Simone Brandão
Divulgação da agenda às capitais estadual e federal. Com este assunto o presidente da Câmara, vereador Telo Pinto (PSDB), iniciou seu pronunciamento na sessão ordinária dessa terça-feira (26).

Divulgação da agenda às capitais estadual e federal. Com este assunto o presidente da Câmara, vereador Telo Pinto (PSDB), iniciou seu pronunciamento na sessão ordinária dessa terça-feira (26).

Em Manaus, estabeleceu contato com o Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM). Na reunião com o vice-presidente, Conselheiro Mário de Melo, articulou a realização de um módulo de curso relacionado ao Portal da Transparência, através da Escola de Contas, para que os municípios e respectivas Câmaras possam obter informações sobre o manuseio do Portal. Apesar das dificuldades na manipulação da ferramenta eletrônica e também por notificarem devido a não alimentação de dados, ainda não existia nenhum treinamento. Mediante a demanda, o TCE vai viabilizar a criação e efetivar o Módulo.

A programação turística para ao Festival Folclórico 2019 foi o assunto tratado na Amazonastur.

Ainda no roteiro manauara, dialogou com o titular da Secretaria Estadual de Produção Rural (Sepror), Petrúcio Júnior. Assim, apresentou relatório com demandas e sugestões direcionadas ao Setor Primário, construído após inúmeras reuniões na sede da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) em Parintins, com órgãos e com cooperativas voltados ao Setor.

A viagem à Brasília foi a convite do prefeito de Parintins, Bi Garcia (PSDB). Os assuntos pautados foram a Universidade Federal do Médio e Baixo Amazonas e emenda parlamentar do senador Omar Aziz, em que destinava 14 milhões e 700 mil para construção do muro de arrimo – recuperação e construção.

Sobre o recurso, mantiveram encontro o Ministro do Desenvolvimento Regional Gustavo Canuto, solicitado pelo autor da emenda. “O Ministro, juntamente com Senador, tiveram que fazer uma força tarefa para liberar esse recurso para o nosso município”, enfatizou.

Em visitas aos representantes do Estado no governo federal, a conversa com os deputados Marcelo Ramos (PR), Sidney Leite (PSD), Bosco Saraiva (Solidariedade) e José Ricardo (PT) visou fortalecer vínculo com a bancada amazonense e também reivindicar posicionamento referente ao Projeto de Lei para a instalação da Universidade Federal do Médio e Baixo Amazonas (UFEMBAM).

“O que foi retirado de pauta foi quanto à criação de inúmeros institutos e escolas federais que estavam embutidos nessa mesma lei e que não tinha dotação orçamentária”, esclareceu.

“Eu quero registrar o trabalho incansável da bancada Federal do Estado do Amazonas, que se consolida como uma das mais fortes bancadas lá em Brasília. O Estado do Amazonas nuca esteve tão bem representado como agora. Assumimos três relevantes comissões técnicas do Congresso Nacional. A segunda Comissão mais importante do Senado Federal é presidida pelo Senador Omar Aziz”, orgulhou-se.

Quanto à publicação com teor tendencioso relacionada ao aumento salarial dos vereadores, na manhã de terça-feira (26), o Presidente da Câmara repudiou o conteúdo da matéria. A notícia diz que os parlamentares “legislaram em causa própria” e acusa como “ato de inconstitucionalidade”.

“Vamos apresentar Nota de Repúdio, de esclarecimento, e vamos buscar a justiça. Vamos provar que nós estamos cumprindo um ato legal. Não vão desmoralizar, com matéria para querer denegrir a imagem da Câmara de Parintins. Eu vou processar quem quer que seja”, retrucou